Arquivo da tag: Barcelona

Uma volta alternativa pelo futebol europeu

O Mau, guitarra do Fora de Jogo (banda só sobre futebol que eu faço parte) e blogueiro do Santo André no globoesporte.com, acabou de voltar de um rolê da Europa e está escrevendo no outro blog dele, que é totalmente excelente, sobre os rolês boleiros que deu.

O blog por si só já é muito bom, ele conta sua busca pela “lenda das 1000 camisas”, cada dia posta uma camisa da coleção dele e conta a história do clube, da torcida, curiosidades.

Agora com esse rolê na Europa, tá contando algumas coisas também das cidades por onde passou e encontros que teve com jogadores sem querer.

Fora um quadrinho que ele achou por lá cujo personagem principal é um jogador veterano do Barcelona, fantástico!

Leiam clicando aqui, vale a pena.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em estádio, mídia, memória, sociedade

Bilbao resiste

Outro email recebido.

Simplesmente lindo.

Futebol ainda pode ser mais jogo do que negócio.

(clique aqui para ver/ouvir os gols)

***

MestAlla ala inor

2009ko martxoaren 4a.
4 de Março de 2009

Um povo. Jogou. Lutou. Correu. Se entregou de corpo e alma a um sonho. O
sonho de novamente ser vencedor, ser temido. Havia muitos anos que Bilbao
não era atingida em cheio, por uma paixão, pela recuperação do seu
orgulho, do seu amor próprio, da sua dignidade.

E o povo foi pras ruas, mesmo com o leão ferido de raspão, tomado pela
fúria e, pela tristeza de ter falhado na primeira missão. Esse mesmo povo
o acolheu. Uma manifestação de amor, fanatismo, de vida, de orgulho. Por
duas cores. Vermelho e branco. O povo foi pra rua, escoltando a equipe dos
seus sonhos até o confronto final.

Ouviu-se de tudo, que iriam comer o leão, da juba até a cauda. Que era uma
equipe incapaz de parar jogadores muito mais fortes. Que o clube deveria
render-se ao futebol negócio. Que o clube era ultrapassado, antiquado,
atrasado. Mas a fé continuou. Ali. Inabalável. Grandiosa. Intensa. Como é
a história do glorioso Athletic Club. O maior vencedor de dobletes (Liga +
Copa Del Rey) com 5 no total contra 4 do (ainda hoje) franquista Real
Madrid e 3 do Barcelona. Além disso é o primeiro time a conseguir a posse
de um troféu da Liga e também da própria Copa Del Rey, torneio o qual é o
maior vencedor, com 24 taças conquistadas. E esses são apenas 3, dos 28
recordes e feitos históricos da equipe rojiblanca que nunca caiu para a
segunda divisão e sempre andou com as próprias pernas.

A Katedral assistiu hoje, em 97 minutos, como nascem os Heróis.
Rojiblancos, zurigorris, como queiram. Após quase meio século de
tentativas, se arrastando, se contentando com a mediocridade, brigando
para não ir ao fundo do poço… eis que ressurge o gigantesco Leão de San
Mames. Eles hoje bradaram às tribos do sul: Nunca nos renderemos!!!

Logo aos 4 minutos de jogo, Iraola bate lateral na cabeça de Llorente. O
goleiro espalma. A bola cai no pé de Javi Martinez. O goleiro defende. Dá
rebote. Javi Martinez guarda. Gol gol gol gol gol bacalao bacalao bacalao.
San Mames explode. E viria mais por aí. Aos 33 ainda no primeiro tempo,
Yeste faz cruzamento perfeito pela esquerda, na cabeça de Llorente, El Rey
Leon, que, novamente guarda a caprichosa. Apenas 4 minutos depois, o mesmo
Rey Leon deixa Toquero na cara de Palop, que toca por cima e fecha o
placar. Depois foi só administrar o resultado e correr pro abraço.
Literalmente. Com o apito final, San Mames viu algo que não via há 20
anos, uma imensa invasão de campo por parte da torcida que comemorou não
apenas a classificação para a final, mas algo muito maior do que isso.
Algo que apenas eles sabem o que é. Algo que imagino que possam sentir,
mas que não podem descrever.

Athletic Club Bilbao. Pela 35ª vez…

FINALISTA DA COPA DO REI

 

13.5.2009 em Mestalla(Valência): ATHLETIC de BILBAO X BARCELONA

(por Raphael Clasher, escrevendo de um laptop do hospital em que seu avô, Athletic doente, assistiu à partida)

1 comentário

Arquivado em estádio, sociedade